Especial Gastronomia Brasileira II

17/06/2009 at 8:37 pm (Gastronomia)

Há!! Finalmente a segunda parte!

bandeira_minasA bandeira mais linda do mundo!

Como eu sou mineira e to morrendo de saudade da comida da minha mãe, este especial vai ser dedicado à culinária mineira. Ou seja, ainda vai faltar uma parte para outro dia, com os estados do sul e o resto do sudeste.

Observação importante!!!

Tirando a canjiquinha, todas estas receitas devem ser acompanhadas de angu (polenta mais durinha) e arroz branquinho e soltinho. Senão não tem graça nenhuma!!!

Tutu mineiro

tutu1

1 kg de feijão preto (para 6 a 8 pessoas)
 2 xícaras (chá) de farinha de mandioca
 alho amassado a gosto
 1 cebola picada
 água
 sal
 salsinha picada
 ovos cozidos
 torresmo

Como fazer:

Bata o feijão cozido no liquidificador. Refogue o alho e a cebola
bem batidinha, até o ponto de dourar. Adicione o feijão e deixe
ferver. Separadamente, dissolva a farinha de mandioca na água e
vá acrescentando no feijão até dar o ponto de mingau (não deixe ficar grosso demais, senão ele fica sólido quando esfria). Coloque sal
a gosto. Despeje o preparo numa travessa e acrescente, por cima,
salsinha, ovos cozidos e picados e torresmo. Se quiser, pode dourar uma cebola em rodelinhas na gordura de porco ou naquela frigideira onde você fritou bife, e colocar por cima.

Feijão Tropeiro

feijao tropeiro

1kg de feijão já cozido al dente
1/2kg de torresmo
1/2kg de linguiça calabresa ou linguiça fina cortada em rodelas
1/2kg de bacon cortado em cubos
1 maço de couve cortada bem fininha
2 cebola cortada em cubos
1 cabeça pequena de alho amassado
ovo cozido picado
3 folhas de louro
salsinha e cebolinha verde picados
pimenta do reino a gosto
sal a gosto
farinha de mandioca a gosto

Como Fazer

Lave o feijão, coloque-o numa panela de pressão com 1 litro de água e leve ao fogo por 30 minutos, sem deixar que cozinhe demais, os grãos devem ficar inteiros e mais duros do que de costume. Retire da panela e coe imediatamente, para interromper o cozimento. Reserve.

Pique a lingüiça de porco, coloque-a numa frigideira e refogue, para que frite em sua própria gordura. Reserve.
Limpe, lave e seque as folhas de couve. Sobreponha as folhas, enrole e corte em tiras bem finas. Coloque na mesma panela em que foi preparada a lingüiça e refogue. Acerte o sal e reserve.
Numa frigideira frite o bacon, a cebola e o alho e mexa até a cebola dourar. Acrescente a farinha de mandioca, misture e, sem parar de mexer, deixe torrar. Adicione o feijão, a lingüiça e a couve e misture. Coloque a cebolinha, acerte o sal e deixe no fogo por mais 2 minutos, mexendo sempre. Transfira para uma cumbuca ou travessa. Se preferir, enfeite com ovos cozidos ou misture-os delicadamente com os demais ingredientes (nesse caso fica melhor se forem ovos mexidos).

Frango com quiabo

franquiabo

3kg de coxas frango
6 dentes de alho amassados
sal a gosto
3 colheres (sopa) de azeite de oliva
4 xícaras de água quente
600g de quiabo cortado em rodelas finas
2 cebolas picadas

Modo de fazer

Tempere o frango com alho, sal com alho e deixe descansar por um tempinho. Se quiser, acrescente outros temperos como pimenta do reino, louro, páprika, etc. Aqueça o azeite de oliva e refogue o frango, mexendo de vez em quando até que fique bem dourado. Acrescente a água aos poucos e deixe cozinhar bem. Retire e reserve. Use a mesma panela para refogar a cebola. Acrescente o quiabo e mexa delicadamente para refogar. Cubra com água e deixe cozinhar tampado. Devolva o frango à panela e misture bem, acrescente cebolinhas bem picadinhas e deixe cozinhar até ficar desmanchando (eu gosto assim, mas você pode deixar menos tempo).

Canjiquinha (essa receita é minha, viu?!)

Em minas a gente costuma chamar também de péla-égua, porque é servida bem quente e com pimenta no inverno. A quantidade desses ingredientes complementares (as carnes) pode variar a gosto, porque como eu moro sozinha e cozinho só pra mim, não tenho muita noção de quantidade mesmo.

canjiquinha

500 gr de canjiquinha (milho amarelo quebradinho)
1 cenoura média ralada no ralo grosso
2 batatas médias raladas no ralo grosso
2 cubos de caldo de galinha
1 cebora grande picada
6 dentes de alho grandes amassados
1 pedaço de bacon de 10 x 15 cm mais ou menos, bem altinho, com bastante carne (sei lá quanto pesa isso!)
1 maço de salsinha picada
costelinha de porco (um tanto que dê dois ou três pedaços por pessoa, se preferir pode ser defumada)
1 colher de manteiga ou margarina
molho de pimenta a gosto

Como fazer

Coloque a canjiquinha de molho na véspera com água de modo que cubra e fique um dedo de água acima. No dia, frite a costelinha até ficar bem douradinha e reserve. Frite o bacon, a cebola e o alho na manteiga e acrescente a canjiquinha com a água do molho e mais um copo de água. Quando começar a ferver, coloque os cubos de caldo de galinha, a cenoura e a batata. Mexa de vez em quando, porque se agarrar no fundo você vai ter que trocar de panela, caso contrário ela queima e não acaba de cozinhar. Por fim, acrescente a costelinha e sal a gosto. A canjiquinha demora bastante a cozinhar, e você só sabe que ela está no ponto quando cobeçar a borbulhar espirrando pra todo lado. Quando isso acontecer, prove para verificar o sal e veja se ela está bem cozidinha, desmanchando mesmo. Aí acrescente a salsinha e desligue. O molho de pimenta é opcional, mas já adianto que fica tu-di-bão! Rende mais ou menos 8 porções.

Aguardem a última parte neste mesmo Bat-canal! Não coloquei feijoada na parte mineira porque ela está virando patrimônio nacional (com vistas a patrimônio da humanidade!) assim como a cachaça e o queijo mineiro, que apesar de serem produto-Brasil, só a gente sabe fazer direito. hehehe.

Inté!

Ouvindo: 14 Bis – Bola de meia, bola de gude

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: